Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Tampinhas recicláveis serão revertidas em castração de animais

A iniciativa é da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, que é responsável pelas Políticas Públicas de Proteção e Bem-Estar Animal ? RJPET. O projeto conta com a parceria do RioSolidário e do projeto Rio Eco Pets.

Sessenta condomínios da Zona Sul do Rio começaram a receber coletores de tampinhas recicláveis. Todo o material arrecadado será revertido em castração e ração para ONGs, projetos e protetores independentes de animais.

A iniciativa é da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária, Pesca e Abastecimento, que é responsável pelas Políticas Públicas de Proteção e Bem-Estar Animal – RJPET. O projeto conta com a parceria do RioSolidário e do projeto Rio Eco Pets.

– O projeto consiste em disponibilizar pontos de coleta de tampinhas plásticas que serão revertidas em doação de ração e castrações. Além da importância enorme para os animais que serão beneficiados, é importante lembrar que o meio ambiente também deixará de receber toneladas de material plástico – disse o secretário Marcelo Queiroz.

Ainda segundo o secretário, o objetivo é levar esses coletores para o maior número possível de condôminos em todo o Rio de Janeiro. E, depois, para lojas pet, vilas, bares e restaurantes, ou seja, comércio em geral.

Para colocar o coletor, basta enviar uma mensagem para o WhatsApp (21) 98133-5740 com nome, endereço do condomínio e nome e telefone do síndico.

– As tampinhas serão recolhidas pela própria Secretaria de Agricultura, na medida em que os síndicos entrarem em contato solicitando a retirada – explicou Alberto Figueiredo, coordenador do projeto.

Após requerer um coletor, o responsável por cada condomínio deve apenas assinar um termo de comprometimento que o material reciclável recolhido será entregue à secretária.

Gladys Vieira, que é síndica de dois condomínios há 15 anos, em Copacabana e Ipanema, afirmou que o trabalho de coletar as tampinhas é de fundamental importância para a sociedade em vários aspectos.

– Vejo muitos filhotes abandonados nas ruas. E isso só vai acabar quando todos tiverem a consciência da importância da castração. Recolher essas tampinhas é muito importante, porque sabemos que um dos destinos delas é exatamente esse, a castração de animais abandonado.

Tags

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Edição 14/05/2022
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Notícias falsas nas eleições de 2020 preocupam especialistas

Policial de férias prende acusado de tráfico na entrada da cidade

Magalu vai abrir loja em Teresópolis e inicia processo de contratação

Câmara aprova representação contra o prefeito de Teresópolis

Cedae vai paralisar o sistema principal nesta terça-feira em Teresópolis