Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Teatro A Bela e a Fera lota o Teatro Municipal

Revitalizado com a colaboração de empresários e novamente recebendo eventos culturais, o Teatro Municipal, no segundo piso do Palácio Teresa Cristina, o prédio da Prefeitura, lotou nos dois dias de apresentação da peça. "A Bela e a Fera" tem como intenção mostrar, através de uma incomum história de amor, o valor superior da beleza interior sobre a aparência física.

“Sempre que encenamos aqui no teatro, o lotamos. A divulgação é boa e o público fiel. Também, nossa companhia tem 30 anos, sendo 17 em Teresópolis”. O comentário é de Adriano Ramires, Diretor da Companhia Teatral Hocus Pocus, diante da fila de entrada no Teatro Municipal de Teresópolis, na tarde de sábado, dia 2, para a apresentação do clássico conto de fadas francês “A Bela e a Fera”, de Gabrielle-Suzanne Barbot. Diretor da peça e autor da adaptação do texto, Ramires contou com a assistência de direção de Jonathan Marques, que também atua no espetáculo.
Revitalizado com a colaboração de empresários e novamente recebendo eventos culturais, o Teatro Municipal, no segundo piso do Palácio Teresa Cristina, o prédio da Prefeitura, lotou nos dois dias de apresentação da peça. “A Bela e a Fera” tem como intenção mostrar, através de uma incomum história de amor, o valor superior da beleza interior sobre a aparência física. 
Com direção de Adriano Ramires e Assistência de Direção de Jonathan Marques, o elenco é composto por: Karine Biassi, Guilherme Duarte, Jonathan Marques, Raphael Combat, Flor de Oliveira, Leilson Felicio, Matheus Greca, Vinicius Linhares e Lavínia Barbosa. A peça segue em temporada por outras cidades do estado e, depois, do país, segundo Ramires, que fez um pedido aos pais dos espectadores mirins: “Por favor, menos Internet e mais lúdico, mais emoção, mais livros! Façam isso por seus filhos”.

Brasileiros tentam vaga Oscar
O Ministério da Cultura divulgou nesta segunda-feira (4) os 23 filmes brasileiros que irão disputar uma vaga entre os indicados ao prêmio de Melhor Filme em Língua Estrangeira na 90ª edição do Oscar, em março de 2018. O número de inscritos supera os do ano passado, quando 16 longas se inscreveram. Pela primeira vez, as inscrições dos filmes foram feitas online. O anúncio do indicado será no dia 15 de setembro na Cinemateca Brasileira, em São Paulo. Uma comissão, indicada pela Academia Brasileira de Cinema (ABC), escolherá o filme que irá concorrer a uma vaga no Oscar.
Veja a lista dos inscritos: A Família Dionti (Direção: Alan Minas); A Glória e a Graça (Direção: Flávio Ramos Tambellini); Bingo – O Rei das Manhãs (Direção: Daniel Rezende); Café – Um dedo de prosa (Direção: Maurício Squarisi); Cidades Fantasmas (Direção: Tyrell Spencer); Como Nossos Pais (Direção: Laís Bodanzky); Corpo Elétrico (Direção: Marcelo Caetano); Divinas Divas (Direção: Leandra Leal); Elis (Direção: Hugo Prata); Era O Hotel Cambridge (Direção: Eliane Caffé); Fala Comigo (Direção: Felipe Sholl); Gabriel e a Montanha (Direção: Fellipe Barbosa); História antes da história (Direção: Wilson Lazaretti); Joaquim (Direção: Marcelo Gomes); João, o Maestro (Direção: Mauro Lima); La Vingança (Direção: Fernando Fraiha e Jiddu Pinheiro); Malasartes e o Duelo com a Morte (Direção: Paulo Morelli); O Filme da Minha Vida
(Direção: Selton Mello); Polícia Federal – A Lei é para todos (Direção: Marcelo Antunez); Por Trás do Céu (Direção: Caio Sóh); Quem é Primavera das Neves (Direção: Ana Luiza Azevedo, Jorge Furtado); Real – O plano por trás da história (Direção: Rodrigo Bittencourt); Vazante (Direção: Daniela Thomas).

 

Tags

Compartilhe:

Edição 13/06/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Parque Municipal com grande programação no fim de semana

Vinícius Claussen supera Jorge Mario em conquista de prêmios do Sebrae

Cláudio Castro destaca compromisso do Rio com a transição energética

Parc Magique com promoção nesta quinta-feira (13)

PADROEIRO DO MUNICÍPIO: Teresópolis celebra a Trezena de Santo Antônio

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE