Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Pedal solidário pelo Novembro Azul teve grande participação

Evento teve como foco alertar sobre a importância da prevenção do câncer de próstata

Marcello Medeiros

Um dos lugares mais bonitos de Teresópolis, o Vale dos Frades recebeu neste domingo, 26, aproximadamente 60 ciclistas, entre atletas e entusiastas locais e também representantes do município de São José do Vale do Rio Preto. O grande grupo se reuniu em evento que teve como foco muito mais do que pedalar: alertar sobre a necessidade de conscientização sobre a prevenção do câncer de próstata. A terceira edição dessa campanha segue a bandeira do Novembro Azul, quando entidades de todo o país realizam ações com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce dessa doença e alertando para a necessidade do homem realizar exames de saúde periodicamente. O grupo se reuniu no Rancho Montanhas Vista Alegre, às margens da RJ-130, para um café da manhã. Antes da partida para o pedal até a famosa Cachoeira dos Frades, foram feitos sorteios de brindes, entre eles uma consulta urológica, um ano de hidroginástica na Casa de Portugal e um passeio turístico.
“Foram bons momentos de confraternização e de rever os amigos de pedal. O Grupo largou às 09h30 em direção a Cachoeira dos Frades, onde alguns aproveitaram o ‘mormaço’ e mergulharam para um banho na cachoeira. O evento contou com dois carros de apoio e um carro com equipe de enfermeiras da Agregue Saúde. O passeio terminou no rancho Montanhas às 11h30h, foi um sucesso total”, relata Magno Villela, ciclista e vice-presidente da Associação Bike Terê. O evento também teve na liderança e organização Simoni Guarilha.

Grupo se reuniu em evento que teve como foco muito mais do que pedalar: alertar sobre a necessidade de conscientização sobre a prevenção do câncer de próstata. Foto: Magno Villela

Novembro Azul
O câncer de próstata, tipo mais comum entre os homens, é a causa de morte de 28,6% da população masculina que desenvolve neoplasias malignas. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata, segundo os dados mais recentes do Instituto Nacional do Câncer (Inca). Portanto, não deixe que o preconceito custe a sua saúde. Faça exame de próstata e previna-se.

Edição 01/03/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

GCM e PM apreendem produtos de beleza e saúde vendidos em via pública

Estudantes na campanha contra o mosquito Aedes aegypti

Homem preso com maconha e cocaína em Água Quente

OABRJ e TRF2 realizam parceria para casos de regularização fundiária

Foragido da Justiça é localizado em Teresópolis

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE