Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Escola municipal abandonada continua preocupando moradores da Tijuca

Depois do risco de enchente, matagal e possibilidade de proliferação de mosquitos tiram o sono de vizinhos

Marcello Medeiros

Em 27 de Janeiro de 2023, O Diário publicou reportagem com o título “Abandonado, prédio de escola representa risco para vizinhos”, alertando que moradores do Bairro da Tijuca tinham grande preocupação com o que sobrou do espaço onde por muitos anos funcionou a Hermínia Josetti, na Rua Yeda. Na ocasião, foi divulgada pelo governo municipal a informação que seria realizada a reforma do espaço público, mas tal demanda entrou para mais uma lista dos anúncios não cumpridos pelo governo Vinicius Claussen. Um ano e um mês depois, recebemos novo pedido de ajuda dos vizinhos da antiga unidade escolar – que passou a funcionar em prédio menor com a expectativa que o tradicional fosse reformado. “Estou mandando um vídeo de como está grande o mato aqui na escola Hermínia Josetti. Como se não bastassem as chuvas, que me causam apreensão, agora tem a dengue também”, relatou uma vizinha pelo nosso WhatsApp (2742-9977). Sobre a questão das chuvas, os fundos da unidade têm registrado alagamentos há meses. Outra moradora da Rua Yeda também havia alertado para a situação na semana passada. “A tal da reforma ficou só na promessa, mas uma falácia dessa gestão. Agora é matagal, local onde pode haver água parada e proliferação de mosquito”, atentou Márcia Carolina ao “Diário Comunidade”.

Vizinhos ao abandonado prédio público relatam descaso do governo Vinicius Claussen, que segundo eles “só vive de promessa”. Foto: Leitor Repórter


No final de janeiro do ano passado, a “gestão” informou ao Diário que aguardava posicionamento da secretaria municipal de Obras Públicas para realizar intervenções em ponto onde ocorrem alagamentos quando chove e ainda que “está sendo elaborado processo licitatório para a reforma completa da escola e que, atualmente, os alunos estão alocados em prédio alugado pelo município na mesma rua onde está localizada a Hermínia Josetti”. Nesta quarta-feira (28), encaminhamos novo pedido de informações sobre a situação do abandonado prédio público e aguardamos resposta.

História sem fim
“A escola Hermínia Josetti se mudou daqui quando teve uma chuva muito forte e eles alugaram uma casa perto do açougue da Tijuca, as crianças estão tendo aula ali. Obra não, nunca vi obra”, relatou ao Diário em 2023 a moradora Célia Fernandes. “Quando chove ai é que vem o problema, a gente não dorme, eu por exemplo, tomo até remédio porque eu fico muito apreensiva com a chuva e enche todo o meu quintal, a minha vizinha já perdeu dois muros, a gente aqui não consegue fazer o muro pra conter a água, porque depende da escola. O quintal está cedendo em virtude de lá ser mais baixo do que aqui”, reclamou também a vizinha.

Em 2023, O Diário mostrou ainda risco de alagamento na parte dos fundos da escolinha na Tijuca. Foto: Arquivo Diário

Matagal em outra escola
No bairro Vila Muqui, pais e responsáveis por crianças que estudam na Escola Municipal Paes de Barros reclamam do abandono na parte externa da unidade de ensino, localizada na esquina das Ruas Fernando Martins e Marechal Rondon. “Está um matagal gigante, capaz até de uma criança se perder nessa floresta que cresceu na calçada no entorno da escola. Será que ninguém da prefeitura está vendo isso?”, questionou o morador Nelson Santos, que disse ter feito pedido de capina ao governo municipal através do aplicativo e-Ouve.

Casos de dengue
Até a última segunda-feira (26), a Prefeitura de Teresópolis, através da Secretaria de Saúde, havia confirmado 255 casos de dengue no município, com 30 internações, sendo três casos graves e nenhum óbito. “A Secretaria de Saúde reitera que disponibilizou, de maneira emergencial, a sala de hidratação 24h na Unidade de Cuidados Intermediários em Saúde Dr. Eitel Abdallah, no bairro de São Pedro, para a recuperação plena dos pacientes que testaram positivo para a doença. Em casos de sintomas como manchas vermelhas no corpo, febre alta, dor no corpo e vômito, procure uma de nossas unidades de atendimento 24h como a UPA24h, o SPA Bonsucesso ou a Unidade de Pronto Atendimento Dr. Eltel Abdallah, no bairro de São Pedro”, informa a SMS. 

Mais de um ano atrás O Diário deu voz aos moradores da Rua Yeda, que acreditaram na promessa do prefeito de reformar o prédio. Foto: Reprodução


Edição 13/04/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Receita Federal em Teresópolis fala sobre declaração de IR 2024

“Agroturismo”, um convite para novas descobertas em Teresópolis

Direito do Unifeso é avaliado pelo MEC como 4º melhor do estado do RJ entre 94 universidades públicas e privadas

“Tesouros da Serra” prestigia o Fórum Regional de Turismo

Domingos de abril com promoção no Parc Magique e fazendinha do Le Canton

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE