Cadastre-se gratuitamente e leia
O DIÁRIO DE TERESÓPOLIS
em seu dispositivo preferido

Estiagem: Cedae alerta para grande desabastecimento

Na semana passada, a Companhia Estadual de Águas e Esgotos em Teresópolis divulgou nota pedindo que moradores de 25 comunidades economizassem água por conta de problemas no abastecimento em vários bairros, principalmente os abastecidos por reservatórios de manancial de superfície, como o Jacarandá. Desde então, não caiu uma gota de chuva sequer em nossa região e o problema ficou ainda maior: Com o nível cada vez mais baixo em todos os locais de captação do município, a Cedae emitiu novo alerta, dessa vez pedindo que todos os teresopolitanos evitem desperdício e que pode acontecer grande desabastecimento em breve por conta da falta de chuva. A última vez que choveu em Teresópolis foi no dia primeiro de setembro e, ainda assim, muito pouco.

Marcello Medeiros

Na semana passada, a Companhia Estadual de Águas e Esgotos em Teresópolis divulgou nota pedindo que moradores de 25 comunidades economizassem água por conta de problemas no abastecimento em vários bairros, principalmente os abastecidos por reservatórios de manancial de superfície, como o Jacarandá. Desde então, não caiu uma gota de chuva sequer em nossa região e o problema ficou ainda maior: Com o nível cada vez mais baixo em todos os locais de captação do município, a Cedae emitiu novo alerta, dessa vez pedindo que todos os teresopolitanos evitem desperdício e que pode acontecer grande desabastecimento em breve por conta da falta de chuva. A última vez que choveu em Teresópolis foi no dia primeiro de setembro e, ainda assim, muito pouco.
A nota encaminhada para redação do Jornal O DIÁRIO e DIÁRIO TV informa o seguinte: "Em função da estiagem dos últimos meses e da consequente redução dos níveis do Rio Preto e dos cinco mananciais onde a Cedae capta água para tratamento e distribuição em Teresópolis – Parque Nacional, Britador, Penitentes, Cascata dos Amores e Jacarandá -, a companhia informa que haverá redução no fornecimento de água para o município. A Cedae vem realizando manobras operacionais para minimizar os efeitos da seca, e pede que moradores evitem o desperdício e consumam água de forma equilibrada, visando evitar problemas maiores de abastecimento".

Rio e mananciais
O principal sistema de abastecimento de Teresópolis é o do Rio Preto, no Segundo Distrito. De lá, a água é bombeada para Três Córregos, tratada e encaminhada para reservatório na Prata, de onde é distribuída para praticamente todos os bairros do município. Algumas comunidades, como Meudom, Bom Retiro e São Pedro, por exemplo, contam ainda com o manancial de superfície do Jacarandá, na floresta de mesmo nome. Porém, em ambas as situações e outros reservatórios administrados pela Cedae, a situação é praticamente a mesma.
Até alguns anos atrás, o sistema do Rio Preto conseguia atender bem todo o município, com a realização de manobras e encaminhamento de água para comunidades que na maioria dos meses do ano eram atendidas apenas pelos mananciais. Nos períodos mais recentes, porém, com pouca chuva e condições climáticas cada vez mais severas, o Rio Preto tem registrado níveis baixíssimos. Pouca gente sabe, mas a relação de Bonsucesso com outros bairros, como se vê na relação divulgada pela Cedae ontem, acontece porque é naquela região que nasce o Rio Preto. Ou seja, se não chover no Terceiro Distrito e, além disso, continuarem acontecendo desmatamentos, queimadas e outras situações prejudiciais ao meio ambiente naquela região, toda Teresópolis pode ser bastante afetada em um futuro não muito distante.

Tags

Compartilhe:

Edição 25/06/2024
Diário TV Ao Vivo
Mais Lidas

Faetec Teresópolis com inscrições abertas para cursos gratuitos até 14/07

Promoção de ingressos no Parc Magique e Fazendinha neste domingo (30)

Tiros e exibição de armas em plena luz do dia no Bairro de São Pedro

Feira Agroecológica de Teresópolis em novo endereço

Rodoviária do Rio terá vigilância por reconhecimento facial

WP Radio
WP Radio
OFFLINE LIVE